quarta-feira, 30 de novembro de 2011


Estado de saúde do Presidente Malam Bacai Sanha objeto de conversa entre PM e embaixador da França

Bissau, Fonte : RDN – O estado de saúde do Presidente Malam Bacai Sanha foi terça-feira objeto de uma conversa no encontro entre o PM Carlos Gomes Júnior e embaixador da França na Guiné Bissau, Michel Flesch.

No final do encontro, Michel Flesch disse ter tratado vários assuntos com Carlos Gomes Jr e de ter informado ao chefe do Executivo guineense que o Presidente Malam Bacai Sanha já deu entrada no Hospital Vale de Grâce da capital francesa, para tratamento médico.

"No país onde estamos acreditados, falamos de vários assuntos e também do estado de saúde do Presidente da República que se encontra atualmente em Paris internado no hospital Vale de Grâce. Naturalmente, o PM mostrou-se preocupado com isso. Assegurei ao PM que o tratamento do Presidente da República é garantido por todos os meios da medicina francesa, e os médicos tudo farão para uma recuperação rápida do Presidente Sanha".

Bacai Sanha deixou Bissau à semana passada para Dacar, de onde rumou depois para a França.

* * *

A última sessão da oitava legislatura da ANP inicia trabalhos no palácio Colinas de Boé

Bissau, Fonte : Bombolom-FM – A última sessão parlamentar da oitava legislatura inicia os seus trabalhos esta quarta-feira no palácio Colinas de Boé, em Bissau.

Para já, acima do projeto da ordem do dia está a discussão e votação da proposta-lei de enquadramento do OGE para o ano económico 2012.

Sobre este ponto, as principais bancadas parlamentares divergem em relação aos caminhos que devem ser trilhados para a sua apresentação no parlamento. Mesmo assim, o líder da bancada do PAIGC, Rui Diã de Sousa, disse ser prematuro a correção dos erros.

"Eu penso que estamos num exercício de aprendizagem da democracia, de fazer bem as coisas respeitando opiniões da maioria. Ora,s e houver algum passo neste processo, que não estiver bem, estamos atentos à sua correção", defendeu ele.

No entender do deputado do PRS, Serifo Djaló, o debate em torno do OGE não pode ultrapassar sete dias sob pena de os parlamentares virem a cair no cumprimento da lei.

* * *

Os trabalhadores da ANP ameaçam encetar uma greve para verem pagos seus direitos

Bissau, Fonte : RDN – A última sessão da oitava legislatura arrancou terça-feira numa altura em que os trabalhadores do palácio Colinas de Boé ameaçam encetar uma greve.

Num pré-aviso, esses trabalhadores exigem, entre outros, o pagamento integral de salários em atraso, o pagamento dos encargos de saúde, perdiems de missões e serviços efetuados.

* * *

Ministro da defesa pede apoio financeiro da CPLP para processo de reforma neste setor e no da segurança

Bissau, Fonte : RSM – O ministro guineense da defesa pediu terça-feira aos países irmãos da CPLP para que apoiem financeiramente esforços inequívocos do Governo no processo de reforma neste setor e no da segurança.

Numa entrevista à agência LUSA, Baciro Djá sublinhou que a G-Bissau está preparada a passar para a reforma um conjunto de militares e dar assim início ao recrutamento de jovens. Ele lembrou que o fundo necessário para a reforma nos próximos cinco anos no setor é de 63 milhões de USD.

Por outro lado, o envolvimento da CPLP no processo de consolidação da paz na G-Bissau estará, de acordo com Baciro Djá, confrontada à certas dificuldades, pelo falou de interesses geopolíticos e estratégicos de países cujos nomes não indicou.

* * *

Chega ao fim jornada nacional de vacinação sincronitizada para erradicação da poliomielite

Bissau, Fonte : RSM – A jornada nacional de vacinação sincronitizada para a erradicação da poliomielite em crianças de zero a cerca de quatro anos de idade chegou ao fim terça-feira.

A campanha tinha sido iniciada no passado dia 25 deste mês de Novembro em curso.

O diretor regional adjunto de saúde já veio a tecer um balanço de cerca de 84% de cobertura atingida em três dias de intenso trabalho no Setor Autónomo de Bissau (SAB).

* * *

Guiné-Bissau-Cabo Verde: Empresários guineenses apontam áreas de negócio entre os dois país

Bissau, Fonte : ANGOP – Empresários guineenses disseram segunda-feira ao primeiro-ministro de Cabo Verde que a Guiné-Bissau pode servir de mercado abastecedor do arquipélago em produtos agrícolas e pesqueiros e instaram os dois governos a tomarem medidas para que isso aconteça.

Fátima Camara de Barros, presidente da AMAE (Associação das Mulheres de Actividade Económica) pediu ao primeiro-ministro cabo-verdiano, José Maria Neves, que os dois governos trabalhem no sentido de possibilitar que as empresárias do arquipélago venham a comprar produtos do mar à Guiné-Bissau.

"Dói-me ver as mulheres cabo-verdianas a irem comprar o camarão ao Senegal quando podiam comprar aqui na Guiné-Bissau. É isso que queremos que comece a acontecer", defendeu Fátima de Barros.

O presidente dos exportadores da Guiné-Bissau, Mamadú Jamanca, apontou a promoção de uma linha de negócios entre os jovens empreendedores dos dois países como o primeiro passo a seguir e logo depois a disponibilização de recursos para financiar as ações identificadas.

Abdoullahi Salim, administrador da sociedade SIM (Sociedade Internacional de Medicamentos), empresa que importa os medicamentos da Impharma para a Guiné-Bissau, disse que a sua empresa importou só este ano mais de 100 mil euros em medicamentos de Cabo Verde.

Salim, mauritano a viver na Guiné-Bissau há vários anos, explicou ao primeiro-ministro de Cabo Verde que mercado até existe, mas é preciso "alguns incentivos", nomeadamente a redução de taxas aduaneiras.

"Nós importamos medicamentos de Cabo Verde, os outros importam da Nigéria ou do Senegal, mas acreditamos na qualidade do nosso produto, pedimos era apenas que nos baixassem as taxas", declarou Salim.

Já o empresário Abel Incada defendeu que a Guiné-Bissau "tem todos os produtos" de que Cabo Verde precisa e com a vantagem de poderem ser transportados ainda frescos, designadamente frutas, legumes e pescado.

* * *

Adiada a visita do PM ao vigário-geral da diocese de Bissau

Bissau, Fonte : RSM – A visita que o chefe do Governo Carlos Gomes Júnior devia efetuar terça-feira ao vigário-geral da diocese de Bissau ficou adiada por algumas horas.

A visita se situava nas relações amistosas existentes entre a Primatura e a Diocese de Bissau. À mesma hora em que esta informação era difundida pelos Média, o Bispo de Bissau, Dom José Camnaté Na Bissing, recebia o Primeiro-Ministro de Cabo Verde, José Maria Neves, cuja visita, em princípio, pode terminar esta quarta-feira.

terça-feira, 29 de novembro de 2011

ACTUALIDADE DA GUINÉ-BISSAU

BM desembolsa 8 milhões de USD a favor do Projeto de pesca regional para África Ocidental

Bissau, Fonte : Bombolom-FM – Oito milhões de USD é o valor global que o Banco Mundial (BM) desembolsou segunda-feira a favor do Projeto de pesca regional para a África Ocidental, PROA-Guiné Bissau.

Trata-se de uma iniciativa da comissão regional das pescas de que a Guiné Bissau faz parte, devendo por isso durar dez anos.

O projeto visa melhorar, entre outros, o sistema governativo, a gestão setor pesqueiro, o combate à pesca ilícita, não-declarada bem como a não-regulamentada.

O Secretário de Estado das Pescas, Thomas Gomes Barbosa, disse que a Guiné Bissau é um potencial lençol na costa ocidental Africana e a nível mundial, no que tange os recursos haliêuticos. Dai precisamente a necessidade de conjugação de sinergias para melhorar o bem comum.

Esse governante revelou, por outro lado, ser também objetivo do projeto a colocação do pescado da Guiné Bissau no mercado internacional para fazer crescer a economia nacional.

* * *

PM cabo-verdiano mantém encontro a porta fechada com seu homólogo guineense Carlos Gomes Jr

Bissau, Fonte : RDN – O PM de Cabo Verde continuou a visita à GB mantendo segunda-feira um encontro a porta fechada com o seu homólogo guineense Carlos Gomes Júnior.

Antes do encontro, José Maria Neves depositou coroas de flores no mausoléu a Amílcar Cabral na fortaleza de Amura, centro de Bissau, onde falou sobre aquilo que, para ele, representa a figura de Amílcar Cabral para os povos Africanos.

"Vir à Bissau implica também prestar uma vibrante homenagem à Amílcar Cabral. Eu acho que nunca é demais lembrar Amílcar Cabral, que é a referência da luta dos povos da Guiné e Cabo Verde, e, ao lembrar Amílcar Cabral, perspectivar um pouco o futuro", afirmou.

Na mesma linha, Carlos Gomes Jr realçou também a figura de Amílcar Cabral e dos combatentes da liberdade da pátria.

"Naturalmente que os povos da Guiné e Cabo verde fizeram uma luta comum e tivemos um único líder que foi camarada Amílcar Cabral, que foi ideólogo de toda a nossa luta. pensamos que prestar homenagem a Amílcar Cabral é prestar homanagem a todos os combatentes de Cabo Verde e da Guiné Bissau", observou este último.

No domingo na cidade de Bafatá, José Maria Neves considerou que Amílcar Cabral é uma referência que deve inspirar à todos, no sentido de todos poderem trabalhar com honestidade e dignidade dos nossos respectivos povos.

Nessa cidade do leste do país, o Primeiro-ministro cabo-verdiano reconheceu que os cidadãos do seu país residentes na Guiné Bissau estão bem inseridos nesta terra africana.

O governante cabo-verdiano, que deveria receber na tarde de segunda-feira o coletivo de empresários nacionais, partidos políticos da oposição e o bispo de Bissau, fez-se acompanhar por uma importante delegação composta por alguns ministros e dezenas de empresários - ao todo, 26 elementos, chefiados pela Câmara de comércio, indústria e agricultura e serviços de Parlavento.

O Governo de Bissau atribuiu ao chefe do Executivo de Cabo Verde a Medalha 'Ordem Nacional das Colinas de Boé' e a Medalha Amílcar Cabral - a maior condecoração do país, ao ex-Presidente cabo-verdiano Aristides Pereira, à título póstumo.

* * *

Entrada da Guiné-Equatorial na CPLP

Bissau, Fonte: Bissau Digital – O Primeiro-ministro de Cabo Verde, José Maria Neves, acredita que a Guiné-Equatorial seja admitida como membro efectivo da Comunidade de Países de Língua Portuguesa (CPLP), a partir da próxima cimeira da organização.

José Maria Neves disse, este sábado, 26 de Novembro, no Aeroporto Internacional «Osvaldo Vieira», no quadro de uma visita de cinco dias que iniciou em Bissau, que houve um roteiro aprovado em Luanda, Angola, para que a Guiné-Equatorial seja aceite como membro de pleno direito da CPLP.

«Cabo Verde apoia a implementação deste roteiro, criando condições para a adesão futura da Guiné-Equatorial na CPLP, o que seria um erro se não acontecesse, já que a organização tem muitos países observadores», disse José Maria Neves.

* * *

Bissau é palco de ateliê para consolidação e dinamização das diferentes redes de jornalistas do país

Bissau, Fonte : RDN – Um aletiê para a consolidação e dinamização das diferentes redes de jornalistas do país iniciou segunda-feira em Bissau.

O ateliê, de dois dias de dura, é organizado pelo Sindicato de jornalistas e técnicos de comunicação social (SINJOTECS) com apoio financeiro do PNUD.

segunda-feira, 28 de novembro de 2011

ACTUALIDADE DA GUINÉ-BISSAU

Guiné-Bissau: Apenas 250 mil cidadãos têm Bilhete de Identidade

Bissau, Fonte : Bissau Digital – Num total de 1,6 milhões de habitantes, apenas 250 mil pessoas são detentoras de documento de identificação, em todo território nacional.

Estes dados foram revelados em exclusivo à PNN, pelo Director dos Serviços de Identificação da Guiné-Bissau, Domingos Inbenque, que responsabilizou os pais e encarregados de educação de alunos que, no início e no final de cada ano lectivo, se dirigem aos Serviços de Identificação em busca do Bilhete de Identidade (BI).

«Segundo o último censo, que estimou a população total da Guiné-Bissau acima de 1,6 milhões de habitantes, neste momento, temos apenas 250 mil Bilhetes de Identidade emitidos», revelou Domingos Inbenque. Estes números referem-se ao período dos últimos cinco anos.

Assim será o Estadio nacional 24 de setembro, quem o disse é José Medina Lobato